4 de out de 2013

Gestão Ambiental monitora início da pavimentação no lote 3 da BR-448

Com 7,9 km de extensão, o lote 3 da BR-448 de responsabilidade do Consórcio Queiroz Galvão, OAS, Brasília Guaíba iniciou no mês de julho a atividade de pavimentação do trecho que abrange as cidades de Canoas e Porto Alegre.

Fiscalizada pelo DNIT, por meio da Gestão Ambiental do empreendimento, a execução da pavimentação vem sendo supervisionada pela equipe de campo que em parceria com o lote atenta para os cuidados relativos ao licenciamento das áreas para funcionamento das usinas de asfalto e o licenciamento dos caminhões utilizados no processo.


Conforme o Engenheiro de Produção de Terraplenagem e Pavimentação do lote, Kleber Anthony Pedroso, o trabalho de parceria resulta em qualidade. “Existe uma parceria entre o consórcio e a equipe de Gestão Ambiental a fim de evitar danos ao ambiente e consequentemente ter um trabalho com qualidade, tanto na parte técnica, quanto na ambiental”.

Com técnica convencional, o trabalho de colocação da primeira camada de asfalto envolve segundo o lote, uma equipe de 15 colaboradores que operam os 20 caminhões que executam os espargidores (tanque distribuidor de asfalto) a acabadora de asfalto e os rolos de pneus entre outros. “No trecho do lote serão duas pistas de 15,9 metros cada, com três faixas de rolamento mais o acostamento”, explica o engenheiro.

Entre as dificuldades encontradas no processo estão as intempéries. “A época é propícia a chuvas e isso atrapalha um pouco o trabalho. Lançamos cerca de 300 metros de área e a equipe executa a tarefa que requer cerca de 1 dia e meio para ser finalizada”, lembra Cléber.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...